TURISMO ECOSUSTENTÁVEL

SUSTENTABILIDADE

"Nós não herdamos o planeta de nossos pais, mas tomamos em empréstimo aos nossos filhos."

A VIDA É A ARTE DO ENCONTRO

O Barco Mediceo foi inteiramente transformado em pousada ecológica, onde tudo é feito com absoluto respeito ao meio ambiente. Citamos alguns exemplos: Aquecimento e produção de água quente é do tipo biomassa, alimentado com fibras vegetais: podas, árvores mortas, sobra de madeira que se reciclam, restos de alimentos, tudo é convertido em energia, com grande economia e praticamente sem poluição. A água quente é gerada por painéis solares, 100% do lixo gerado é selecionado e permite recuperação de papéis e plásticos e a utilização de resíduos orgânicos. Recuperação da água da chuva, utilizada para irrigação do nosso jardim e horta. Nossos hóspedes têm à disposição cosméticos – como sabonete, xampu e espumas de banho – orgânicos e biodegradáveis. Os produtos utilizados na limpeza também são biodegradáveis. Nosso carro é movido a gás metano. Usamos lâmpadas de baixo consumo de eletricidade.

DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL...

...é um processo contínuo de mudança que exige:

SUSTENTABILIDADE
AMBIENTAL

Capacidade de manter a qualidade e a reprodutibilidade dos recursos naturais.

SUSTENTABILIDADE
ECONÔMICA

Capacidade de gerar renda e emprego

SUSTENTABILIDADE
SOCIAL

Capacidade de garantir conforto, segurança, saúde e educação

SUSTENTABILIDADE
INSTITUCIONAL

Capacidade de garantir condições de democracia, participação e justiça.

SLOW TOURISM E SUSTENTÁVEL

"A arte de viver é aprender a dar tempo para tudo" .(Carlo Petrini, fundador da Slow Food)."

Lugares visitados devem ser encarados como experiência e não como consumo e convidamos você a conhecer a Toscana sob esta perspectiva. Florença, Siena, Pisa, Lucca e San Gimignano são as cidades mais conhecidas da região, mas igualmente interessante é toda a região toscana, com vilas e aldeias que abrigam há séculos um povo feliz e riquíssimo em tradições. Recomendamos também conhecer a Toscana “menor” (se é que se pode dizer isso!), ou pequenos lugarejos que surpreendem ainda mais, se você se deixar levar e dispuser do tempo necessário à simples contemplação e à observação de costumes, contemporâneos ou antigos, receitas tradicionais ou novas, dialetos coloridos e sonoros, ótimos vinhos locais, frutos da região e do legado de peritos que ali habitam há séculos. Slow Tourism ou Turismo Lento privilegia pequenos grupos e a presença de guias e roteiros específicos tanto para pura contemplação quanto para visitas monitoradas a vinícolas, olivais, produção de queijos, salames, prosciuttos e o melhor da culinária tipicamente toscana, visitas a museus e ao melhor da arte sacra, eventos e tudo mais que fazem da Toscana “o” lugar incomparável, seja para viver ou para visitar.